Os Jogos Paralímpicos

O Atletismo é um esporte de grande tradição nos Jogos Paralímpicos. As primeiras competições oficiais para atletas com deficiência aconteceram no ano de 1952 em Stoke Mandeville, na Inglaterra, com a disputa de corridas de cadeirantes nos Jogos realizados para veteranos da Segunda Guerra Mundial.

O esporte está no programa paralímpico desde a primeira edição dos Jogos, em Roma, em 1960. Ao longo dos anos, novas classes foram criadas para que homens e mulheres com diversos tipos e graus de deficiência pudessem competir –fossem elas deficiências motoras, sensoriais ou intelectuais.

Para assegurar uma competição justa e equilibrada, os atletas são separados de acordo com sua habilidade funcional, e competem também com cadeiras de rodas e próteses. No caso dos atletas com deficiência visual, eles podem ser acompanhados por um guia, que corre ao seu lado ligado por uma corda. Sua função é a de direcionar o competidor – mas sem puxá-lo, sob pena de ser desclassificado.

O atletismo paralímpico é regido pelas regras da Federação Internacional de Atletismo (IAAF, em inglês), e pelas adequações feitas pelo IPC – Athletics, órgão do Comitê Paralímpico Internacional (IPC, em inglês) responsável pelo esporte. Devido ao abrangente número de classes funcionais, o Atletismo é um dos esportes paralímpicos que concentra mais eventos.

O programa paralímpico conta com eventos de pista (track) – corridas de curta, média e longa distâncias, além do revezamento e da maratona -, de campo (field) – saltos, arremesso e lançamentos – e combinados – o pentatlo, feito tanto por homens como por mulheres e cujas cinco provas variam de acordo com a classe do participante.

Os eventos de pista começam com a disputa de eliminatórias. Os melhores competidores ou equipes avançam até a semifinal e à final, que vale medalha.  As provas de campo já iniciam nas finais e, quando há muitos inscritos, os atletas são divididos em dois grupos, e os oito melhores competem entre si nas últimas três tentativas.  O sistema é diferente no pentatlo: o desempenho de cada atleta vale pontos, e a soma deles ao longo dos dois dias de competição é que define o pódio.

Confira informações técnicas sobre Atletismo