Notícias

07/03/2012

Hanse Golf Course Design é selecionado pelo Rio 2016™ para projetar campo de golfe dos Jogos Olímpicos

Instalação será construída na Reserva de Marapendi, na região da Barra da Tijuca

Enviar para um amigo

Estudo em 3D do buraco 17 (Foto: Arte: Hanse Golf Course Design)

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016™ selecionou o escritório americano Hanse Golf Course Design para projetar o campo que será construído no Rio de Janeiro para os Jogos Olímpicos de 2016, quando o golfe retorna ao programa olímpico após 112 anos.

A empresa foi selecionada entre oito finalistas por ser a que melhor atendeu aos critérios definidos pelo Rio 2016™. O Hanse Golf Course Design apresentou um projeto que deu destaque à formação natural de dunas e à manutenção dos contornos do terreno.

“Por marcar a volta do golfe aos Jogos Olímpicos após mais de um século, este campo representará um novo capítulo na história do esporte. Capacitará a cidade a receber torneios importantes do calendário internacional e dará um exemplo de sustentabilidade, por ajudar a preservar uma área de proteção ambiental”, disse o Presidente do Rio 2016™, Carlos Arthur Nuzman. “O campo vai inspirar milhões de jovens no Brasil e no mundo e se tornará uma excelente opção de prática e desenvolvimento do esporte. Estamos ansiosos para receber os atletas e espectadores em 2016.”

O campo de golfe será construído na Reserva de Marapendi, na região da Barra, que concentrará o maior número de instalações dos Jogos Olímpicos Rio 2016™. Será uma instalação Olímpica única, localizada a aproximadamente cinco quilômetros da Vila dos Atletas e sete quilômetros do Centro Principal de Imprensa (MPC, na sigla em inglês) e do Centro Internacional de Transmissões (IBC, na sigla em inglês), ao Sul da Avenida das Américas e ao Norte da Lagoa de Marapendi. Depois dos Jogos Olímpicos de 2016, será operado como uma instalação pública, com o objetivo principal de promover o esporte no Brasil e na América do Sul, sendo um dos principais legados dos Jogos Olímpicos para o desenvolvimento do esporte no país.

Plano conceitual do campo de golfe (Arte: Hanse Golf Course Design)

Júri fez avaliação dos projetos

Puderam participar do concurso empresas que comprovaram experiência em projetos de campos de golfe, que atenderam às regras internacionais do Rio 2016™ e que comprovaram qualificação mínima para desenvolver o projeto. Os oito finalistas, em ordem alfabética, foram: Gary Player Design, Greg Norman Golf Course Design, Hanse Golf Course Design, Hawtree Ltd., Nicklaus Design, Renaissance Golf, Robert Trent Jones II e Thomson-Perret Golf Course Architects.

Os projetos foram avaliados por um júri composto pelo Presidente da Federação Internacional de Golfe (IGF, na sigla em inglês), Peter Dawson; pelo Presidente do Rio 2016™, Carlos Arthur Nuzman; pelo Assessor da Presidência da Empresa Olímpica Municipal, Augusto Ivan; e pelo integrante do Comitê Consultivo de Golfe do Rio 2016™, Armínio Fraga. O Rio 2016™ reconhece ainda o apoio e a participação da Confederação Brasileira de Golfe durante  o processo seletivo.

“A IGF gostaria de agradecer a todos os arquitetos que trabalharam arduamente nas suas propostas e cujas apresentações demonstraram uma grande visão. O processo de seleção adotado pelo Rio 2016™ foi extremamente meticuloso e refletiu a importância do projeto. Estou muito feliz pela escolha do Hanse Golf Course Design para projetar o campo de golfe Olímpico, que promete ser uma instalação excepcional para os Jogos e um enorme legado para nosso esporte no Brasil”, afirmou Peter Dawson.

Portfólio de campos renomados

Fundador e presidente da empresa vencedora, Gilbert S. Hanse, de 48 anos, conta com um portfólio de campos renomados e apreciados por jogadores de ponta e amadores. O Hanse Golf Course Design foi formado em 1993. Com sede em Malvern, Pennsylvania, a empresa vem concentrando sua prática profissional na criação e restauração, com uma abordagem operacional, de alguns dos principais instalações de golfe no mundo. Em 2009, Hanse foi escolhido “Arquiteto do Ano” pela revista Golf Magazine e, no mesmo ano, seu campo Castle Stuart, na Escócia, foi considerado o “Melhor Novo Campo Internacional”.

O Hanse Golf Course Design formou uma parceria com a integrante do hall da fama mundial e da Associação Profissional Feminina de Golfe (LPGA), Amy Alcott, para este projeto. Como profissional, Alcott obteve 29 vitórias no Circuito da LPGA, incluindo cinco em torneios do Grand Slam. Ambos trabalharão em cooperação com empresas de engenharia ambiental e sustentável no processo de finalização do projeto e são partidários de pouca movimentação de terra e do aproveitamento da vegetação nativa. Hanse comprometeu-se a mudar para o Rio durante a construção do campo.

Tags: Golfe

Enviar para um amigo

Filtrar em Notícias

Newsletter

Cadastre-se e receba por e-mail as últimas notícias do Rio 2016™.

+
Notícias

RSS de notícias

Fique sabendo imediatamente quando uma nova informação é publicada.

+ASSINE JÁ